Tendências do fitness para 2020 no Brasil e Argentina

Uma pesquisa inédita realizada pela revista americana ACSM’S Health & Fitness Journal traz dados inéditos que mostram as principais tendências do universo fitness para o Brasil e Argentina no ano de 2020.

Nos dois países, o exercício para perda de peso aparece no topo da lista. Frequentemente apontado como um problema de saúde mundial, o sobrepeso e a obesidade não são tratados de forma diferente nos países sul-americanos. Confira o ranking:

  1. Exercício para perda de peso
  2. Estilo de vida saudável
  3. Personal Training
  4. Programa de condicionamento físico para idosos
  5. Treinamento Funcional
  6. Certificação profissional
  7. Treinamento intervalado de alta intensidade (HIIT)
  8. Personal training em grupo
  9. Consultoria online
  10. Treinamento esportivo
  11. Treinamento em circuito (Circuit training)
  12. Atividades ao ar livre
  13. Avaliação física
  14. Apps de exercícios para smartphone
  15. Academias/Estúdios boutique
  16. Treinamento para crianças
  17. Academia de baixo custo (low cost)
  18. Treinamento com pesos livres
  19. Coaching de saúde / bem-estar
  20. Core training

Entenda mais cada um desses tópicos:

  1. Exercício para perda de peso: é a incorporação da prática de atividade física em programas de perda de peso.
  2. Estilo de vida saudável: um estilo de vida saudável é a prática baseada em evidências de ajudar as pessoas e seus familiares a adotar e manter comportamentos saudáveis ​​que afetam a saúde e a qualidade de vida de todos. Eliminar o uso do tabaco, melhorar a alimentação, aumentar a prática de atividade física e moderar o consumo de álcool são exemplos de um estilo de vida saudável.
  3. Personal Training: essa tendência continua à medida que os atendimentos personalizados se tornam mais acessíveis online em academias/estúdios, em casa, condomínios e em locais de trabalho com instalações de condicionamento físico. O treinamento pessoal inclui testes de condicionamento físico e definição de metas com um cliente, além da prescrição de treinos específicos para as necessidades e metas individuais dos clientes.
  4. Programa de condicionamento físico para idosos: esta é uma tendência que se destaca e atende às necessidades de adequação do Baby Boom e gerações mais velhas. Esses indivíduos, em geral, têm mais dinheiro do que seus pares mais jovens, e as academias podem capitalizar nesse mercado crescente. As pessoas estão vivendo mais, trabalhando mais anos e permanecendo saudáveis ​​e ativas por muito mais tempo.
  5. Treinamento funcional: essa  é uma tendência de usar o treinamento neuromotor para melhorar o equilíbrio, a coordenação, a força e a resistência como foco na melhoria das atividades da vida diária. Os programas de exercícios refletem as atividades reais que alguém pode fazer durante o dia-a-dia.
  6. Certificação profissional: a busca pela atualização profissional por meio de cursos de extensão e aperfeiçoamento contribuem para o desenvolvimento profissional e inserção no mercado de trabalho.
  7. Treinamento intervalado de alta intensidade (HIIT): esses programas de exercícios frequentemente envolvem momentos curtos de exercícios de alta intensidade, seguidos de um breve período de descanso. Embora existam vários exemplos comerciais de HIIT, todos destacam intensidades mais altas (acima de 90% FCmáx.) durante os segmentos de maior intensidade, seguidos por períodos de descanso e recuperação.
  8. Personal training em grupo: essa tendência amplia o papel do personal trainer de um treinamento estritamente individual para o treinamento em pequenos grupos. O personal trainer trabalha com duas ou mais pessoas (mas em um pequeno grupo de menos de 5 pessoas) e oferece descontos para o grupo.
  9. Consultoria online: desenvolvido para a vivência de exercícios em casa e durante viagens, essa tendência usa a tecnologia de streaming digital (aulas ao vivo ou gravadas) para oferecer programas de exercícios em grupo, individuais ou instrucionais online. O treinamento online está disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana e pode ser uma aula ao vivo (exercícios de transmissão ao vivo) ou pré-gravados.
  10. Treinamento esportivo: esta é uma tendência que incorpora o treinamento esportivo específico, especialmente para jovens atletas envolvidos nas mais diferentes práticas esportivas.
  11. Treinamento em circuito (Circuit training): um grupo de 6 a 10 exercícios (podendo ser em formato de estações) que são realizados um após o outro. Cada exercício é feito com um número específico de repetições ou por um período definido antes de ter um descanso rápido e passar para o próximo exercício.
  12. Atividades ao ar livre: inclui caminhadas, passeios e/ou corridas em grupos nos parques públicos, praças, praias ou no campo. Podem ser eventos curtos, de um dia inteiro ou excursões planejadas para caminhadas na semana.
  13. Avaliação física: esta é uma tendência em direção ao levantamento de dados, objetivando diagnosticar eventuais patologias, definir metas de curto, médio e longo prazo. As medições são necessárias para determinar os benefícios dos programas de condicionamento físico no manejo da doença e documentar o sucesso na mudança dos hábitos de vida.
  14. Apps de exercícios para smartphone: agora disponível para dispositivos móveis como celulares e tablets, aplicativos como o Nike Run Club e o MapMyRun ou Ride incluem prompts de áudio e visuais para iniciar e terminar o exercício e sugestões para seguir em frente. Alguns desses aplicativos podem acompanhar o progresso ao longo do tempo, bem como centenas de outras funcionalidades.
  15. Academias/estúdios boutique: são estabelecimentos que possuem serviços e atendimento diferenciados, com um ambiente sofisticado e agradável, incluindo lounges para relaxar, vestiários luxuosos, restaurantes de comida saudável, etc.
  16. Treinamento para crianças: programas específicos para crianças com foco na mudança de comportamento, incluindo atividade física, desenvolvimento neuromotor e alimentação.
  17. Academia de baixo custo (low cost): muitas razões levam os consumidores a academias de baixo custo, incluindo o custo de uma matrícula em uma academia tradicional. Este tipo estabelecimento oferece pouco do serviço pessoal oferecido por opções mais caras, porém com oferta de equipamentos, geralmente, com boa qualidade.
  18. Treinamento com pesos livres: pesos livres, halteres, kettlebells, medicine ball não são apenas inseridos aulas funcionais. Os professores começam ensinando a forma, movimento adequado para cada exercício e depois aumentam progressivamente a resistência assim que a forma correta é cumprida.
  19. Coaching de saúde / bem-estar: essa é uma tendência para incorporar a ciência comportamental nos programas de promoção da saúde e estilo de vida para os indivíduos. O coaching de saúde / bem-estar é um processo de desenvolvimento pessoal individual (e às vezes de pequeno grupo), auxiliando na definição de metas ou a aplicação de técnicas e ferramentas de coaching na prescrição do treinamento físico. O coach de saúde / bem-estar enfoca os valores, as necessidades, a visão e os objetivos de curto e longo prazo do cliente usando estratégias de intervenção para mudança de comportamento.
  20. Core training: esta é uma tendência que enfatiza a força e o condicionamento dos músculos estabilizadores do abdômen e das costas. O treinamento utiliza como acessórios bolas de estabilidade, bosu®, plataformas de oscilação e rolos de espuma. No treinamento básico geralmente há uma ênfase especial na postura.

Pesquisa:

O estudo foi publicado na revista ACSM’S Health & Fitness Journal no dia 30 de outubro de 2019. A produção, em parceria com a revista internacional, foi realizada por dois autores brasileiros: Paulo Costa Amaral e Deborah Palma, que trazem em seus currículos larga experiência nos assuntos de fitness e gestão.

O estudo contou com o apoio da Fitness Brasil na divulgação do questionário, que foi respondido por profissionais do segmento fitness, incluindo profissionais de Educação Física, professores universitários e gestores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *