A Nova Arquitetura para as Academias

Fazer a gestão focada no seu cliente é a única maneira de ter uma academia de sucesso!

E o cliente das academias mudou. O que funcionava há alguns anos não tem mais sentido. É hora de dar um passo à frente e mostrar para o mundo que as academias são um lugar onde se promove a saúde e a prevenção à doenças.

Esse reposicionamento do nosso mercado passa necessariamente pela Arquitetura, além da comunicação e da conscientização dos profissionais que atuam em academias!

O primeiro passo é tirar da arquitetura os elementos que caracterizam o excesso de preocupação com a forma física como excesso de espelhos e imagens de pessoas.

Em seguida,devemos  planejar as áreas de exercício de forma a facilitar o uso pelos iniciantes. E nesse ponto vale repensar de que forma o professor deve apresentar cada equipamento e os exercícios para os clientes. Será que os nomes técnicos das máquinas, tão comuns para quem está habituado ao ambiente de academia não intimida os novos clientes? Será que logo ao começar eles precisam saber o nome correto dos músculos?

Toda a jornada do cliente deve ser repensada.

Nesse momento temos 4 tipos de clientes:

  • os que nunca frequentaram academias, entenderam a necessidade da atividade física direcionada, mas não se sentem à vontade nesse ambiente;
  • os que estavam habituados a frequentar e só estão voltando agora, ou seja, ficaram parados quase um ano e tem dificuldade de retornar e
  • os que não se distanciaram da atividade física e já voltaram logo na reabertura. Esse é o único que não se sente intimidado, mas ele também voltou com outras expectativas.
  • o que não mudou, a minoria.

Se continuarmos oferecendo o mesmo estilo  de ambiente (e de atendimento) que há um ano atrás, podemos perder grande parcela desse cliente em potencial.

O cliente atualmente, em sua grande maioria quer:

  • segurança
  • ambientes acolhedores
  • espaços confortáveis

A Nova Arquitetura prioriza o conforto e o acolhimento, com muitos elementos que não são típicos de academia antigas, como vegetação, móveis confortáveis, espaços para trabalhar e espaços de descompressão ou meditação.

Fique atento às mudanças do consumidor!!! Na dúvida, faça pesquisas para conhecer seus novos hábitos de consumo e use o resultado para entregar a seus cliente um ambiente surpreendente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *