Periodização do Treinamento de Endurance

O treinamento da resistência leva a inúmeras alterações fisiológicas em relação aos processos adaptativos. Melhora do transporte de oxigênio, diminuição do percentual de gordura corporal, aumentos na densidade mitocondrial e na tolerância ao lactato são apenas algumas delas (BILLAT, 2001; GIBALA, 2007).

Outra vantagem que deve ser destacada é o aumento na economia de corrida. Sendo que sua definição está relacionada à capacidade de manter altas velocidades utilizando cada vez menores frações de oxigênio (VO2MÁX) (PALMER e SLEIVERT,2001; SAUNDERS et al., 2004).

Diante disso, a periodização do treinamento da resistência envolve, antes de tudo, o conhecimento de algumas variáveis importantes em relação a carga de treinamento e seus principais componentes. Segundo MONTEIRO & LOPES (2009) e EVANGELISTA (2011) diversos aspectos devem ser considerados em relação a aplicabilidade da intensidade, volume e intervalos de recuperação dos meus estímulos de treino.

Dessa forma, a primeira pergunta que nos vem à mente quando vamos organizar uma planilha de treinamento onde o estímulo de diversas capacidades físicas se faz presente é: POR ONDE COMEÇAR?

Para responder a essa pergunta, algumas variáveis relacionadas a organização do treinamento são indispensáveis: o indivíduo, os meios e métodos a serem utilizados e o calendário de treinamento e/ou provas (MACHADO e EVANGELISTA, 2014). Vale lembrar que nenhuma delas pode ser considerada de forma isolada e sim em conjunto.

Variáveis a se considerar na elaboração do treinamento para melhora do rendimento

endurance

Diante do exposto, quando falamos em periodização do treinamento da resistência, muitos aspectos devem ser levados em consideração em relação ao controle ideal da carga de treinamento na periodização. Devemos ter em mente também que o estímulo de outras capacidades físicas deve fazer parte do nosso planejamento em longo prazo quando tivermos por objetivo a melhora da resistência seja ela aeróbia ou anaeróbia.

5 thoughts on “Periodização do Treinamento de Endurance

  1. PAULO BONFIM says:

    Parabéns pela matéria! Um bom resultado depende muito da periodização e distribuição do volume, intensidade, variação de treino e principalmente motivação e co heci.e to do educador! Para que com isso seu cliente obtenha exito!

Deixe uma resposta para PAULO BONFIM Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *